19.10.15

Continuas a ser a estrela guia no meio da noite em que me encontro - e se não é eterna esta noite, sinto-a prolongar-se para além do possível. Perder-te seria como ter vivido tudo em vão, como se deixasse de fazer sentido estar cá se não estivesses do meu lado para me seres amparo e segurança. Já não saberia não te ter.

1 comentário:

Mariana disse...

O amor é a melhor magia que podemos viver... Lindo!