31.7.15

Admito que também o sinto. Basta de negar os desejos como quem renuncia a liberdade de sentir, como se o prazer ainda fosse pecado e não o sentíssemos todos.

2 comentários:

Daniela da Costa Silva disse...

Força! Não negues nada, faz tudo o que quiseres sem te sentires culpada

nês disse...

Deus queira que nunca seja pecado... Morreríamos antes de nascer...