3.2.15

03 viver

Não, nem sempre precisamos de experienciar algumas situações na pele para delas retirarmos lições. Por vezes basta estar atenta às conclusões, deus me livre de viver certos dramas, e evitar criar as condições que levam a consequências tão desastrosas. Há momentos na vida em que nos basta ser observadores para evitar estilhaços - ou as explosões em si.

2 comentários:

Sofia Alves Cardoso disse...

Concordo absolutamente contigo. A nossa aprendizagem é pela vida fora, quer seja connosco ou não. Por isso é que nunca devemos, na minha opinião, descartar as pessoas da nossa vida porque acabamos sempre por aprender tanto no contato com elas.

bruna de andrade disse...

Tenho que aprender a observar mais. :)