15.1.15

15 sapataria

Escolher pessoas como quem escolhe sapatos: vão à prateleira e olham primeiro para o aspecto (é bonitinho? parece elegante? então serve!), olham para o interior e fazem de conta que isso importa, quando lhes interessa é se são novos, de primeira viagem (são? tenho benefícios? então serve!). Depois pegam e experimentam, quanto menos puderem pagar melhor, e lá os usam, lá nos usam, trabalhadores com contratos curtos, sem garantias de futuro e sempre com demasiadas responsabilidades comparando com aquilo que nos pagam. Somos comprados, sim, quando nos contratam. Será o preço adequado ao valor?

1 comentário:

Ana Fernandes disse...

Agora abusam no que diz respeito a emprego..