8.9.14

05 sublime

A sublime luz do sol a aquecer-nos os dias, imagens de dias perfeitos que se podiam repetir durante mais um mês ou dois. Não é pedir muito ter-te todos os dias em mim como naquela manhã de nevoeiro deitados perto do rio como se o calor marcasse presença e ninguém nos chamasse loucos.

Sem comentários: