21.7.14

sobre as pessoas serem mais pessoas quando amam ... não sei até que ponto isto é verdade. umas inibem-se tanto, reprimem os seus verdadeiros instintos para agradar ao outro - sempre essa desesperada tentativa de ser aceite! -que acabam por ser cada vez menos quem são.

4 comentários:

Cláudia S. Reis disse...

Infelizmente o amor muitas vezes é a janela para sermos o que nunca queríamos ser. E cá prefiro amar pelo que a outra pessoa é e sem mudar quem sou. Porque isso é que é o amor!

Lúcia disse...

ao lado da pessoa que a minha avó foi, sentir-me-ei sempre pequenina, muito pequenina.
e é verdade isto, não preciso de amar para ser mais eu

bruna de andrade disse...

olha digo-te uma coisa, despiste-me completamente com estas palavras. Fui tudo isso na minha antiga relação de 3 anos. deixei de me conhecer, por isso, ainda bem que acabou, porque voltei a encontrar-me :)

nês disse...

Boa noite!
Estive muito tempo fora e até tinha fechado o blog, mas resolvi voltar!
Visite: http://silenceisntawkward.blogspot.pt
Beijinhos, nês!