18.6.14

18 Sombra

Já fui sombra do que sou. Já fui apenas forma, pouco conteúdo, sem vontade. Hoje sinto-me eu, cada vez mais eu. Aprendi, com o tempo, que «o resto é a sombra de árvores alheias.»

4 comentários:

mai disse...

Adoro !

Cláudia S. Reis disse...

Tu és bem mais que sombra! Tu és um verdadeiro sol :)

Saturnine Luna disse...

Lindo

Sunshine disse...

Assim é que tem de ser. beijo