6.5.14

Nunca fui do desamor. Amor só tive um, ainda hoje o tenho (ou ainda hoje o sou). Vejo verdadeiras odes ao desamor, páginas e páginas são-lhe dedicadas e eu nunca o conheci. Sei que há lições que só o fim de um amor nos pode ensinar - a desilusão é devastadora e como tal ensina-nos a sobreviver quando até respirar nos custa... Ainda assim prefiro aproveitar enquanto tenho um amor para viver.

4 comentários:

mariana disse...

não diria melhor!

Sentimentos Incontrolados disse...

Aproveita mesmo :)

Cláudia S. Reis disse...

E que nunca conheças nenhum desamor!!

Patrice disse...

Encheu-me o coração este post :) Eu ainda não tive um desamor assim...