6.4.14

06 Azul

Não são azuis os teus olhos e nem precisam de o ser, gosto do seu verde quente e carinhoso. Não é azul o teu sangue, mas podia. 

Sem comentários: