2.8.13

Há sons que nos bastam para sentirmos a vida a pulsar em nós. Acordei com o som da chuva e nem tinha certeza se era realidade ou ainda estava a dormir. O que é certo é que o ar húmido entrou pela janela e me lembrou que, quando menos esperamos, as circunstâncias mudam e tudo ganha outro sentido. 

1 comentário:

mariana disse...

ocupa-te com o som da chuva, pode ser maravilhoso. E podes ser feliz como os outros que invejas :)