12.12.12

Lembro-me de olhar para ti e ter lágrimas a nascer, assim como felicidade. Enquanto isso ias beijando-me e tratando-me como uma princesa. Pedi-te que parasses porque queria falar. Nem acredito que estamos aqui, assim. Nem acredito que isto é real... E enquanto te abracei disseste-me Eu prometi-te que este dia estava perto de chegar. Amor no peito, amor em mim.

12 comentários:

mariana disse...

é o amor que fala aqui. Que lindo mariana :)

Pat disse...

lindos!

Margarida disse...

"amor no peito, amor em mim" fantástico!

Margarida disse...

não entendi?

Margarida disse...

obrigada doce! adoro a cor do blog e a forma de como está organizado, como fizeste? :))

Aurora disse...

amem-se sem fim

Blackbird disse...

Adorei esse texto :)

nicolemorais disse...

Pedi sim. E tu?
Tão lindo!

inês silva disse...

quem espera sempre alcança :)

Andreia Sofia disse...

ohhh *.* que lindo :)

mai disse...

E no teu também <3

Catarina. disse...

Palavras muito doces estas! :')