19.10.12

Os contrastes são o que de mais fantástico há. A minha pele morena a chocar com a tua, sempre mais branca. Os meus olhos castanhos que em comum com os teus apenas têm o brilho que também os teus, verdes e tranquilos, ganham quando o assunto é o amor. Porque não é preciso que o locutor seja específico- para nós, os guerreiros que não baixam armas mesmo pelas causas perdidas, amor verdadeiro será sempre o nosso. A minha fraqueza interior contrasta com a paz que em ti sempre trazes e que transmites mesmo sem uma única palavra. A tua presença, o teu respirar e o teu calor... isso basta. Há um pouco de ti em tudo, a Natureza tem o teu nome e tu és o seu símbolo maior.