18.9.12

Uma parte das pessoas que mais influenciam a minha vida, as que me dão mais força e constituem uma fonte de energia e me matam a sede de compreensão são bloggers. Algumas delas são pessoas com quem converso e que gostava de conhecer, outras delas eu apenas leio sem nunca sequer ter comentado. A escrita, ainda assim, consagra uma cumplicidade maior. Quantas vezes não lemos um livro e pensamos que nos daríamos super bem com o seu autor? Quantas vezes não gostaríamos de falar com ele e que ele nos aconselhasse? Mais um lado positivo neste mundo que eu adoro.

4 comentários:

Esther disse...

as vezes custa...como já sabes. mas a luta continua :)

Zoey disse...

identifico-me bastante com o que escreveste.
beijinhos, zoey

mariaa disse...

Concordo muito!

inês silva disse...

Quem escreve é quem sente, e quem sente transmite isso mesmo para quem lê. Encoraja-te em todas as palavras e em todas as vírgulas ou paragens respiratórias dos textos ou das pequenas marcas dele que aqui te dão.