30.7.12


- Ai rapariga, tu ás vezes..
- O que é que eu tenho às vezes?
- Não sei o que tens às vezes, mas a mim tens-me sempre.

3 comentários:

Patrícia disse...

que dialogo lindo!!

Ju disse...

Ohhh, adorei completamente! :o

Margarida disse...

é verdade, as saudades custam :(( e olha, não sou só eu que tenho jeito para estes diálogos, o teu está fabuloso :))