6.6.12

Terminámos o dia às horas menos convencionais: basta pararmos de sorrir e podemos dar o dia por terminado. Deixámos de lutar e podemos ficar sentados à espera que a vida passe, nada mais iremos receber porque desistimos de o conquistar.

12 comentários:

Inês disse...

mas tu não desistes.

Inês disse...

sabes? eu gostava de as ter, mas a verdade é que não as encontro por muito que procure.

Inês disse...

eu sei, já te vou conhecendo aos poucos.
mariana, eu não sei. quantos mais dias passam mais baralhada eu fico. a sério princesa, eu já não sei de nada.

Inês disse...

não é fácil, mesmo de todo. eu ando toda baralhada, ainda bem que hoje terminei os testes... assim já posso pensar noutras coisas à vontade, sim, porque eu nem tempo para pensar noutras coisas tinha. era livros e mais livros, se calhar é também por isso que estou assim, por causa do stress da escola. mas sabes? agora vou organizar a minha cabecinha e, principalmente, meter ordem no meu coração. ou pelo menos tentar.

Inês disse...

não, não. nem quero pensar quando tiver! tu tens?

Inês disse...

ando no oitavo e tu, princesinha?

Patrícia disse...

o mais difícil é que nestes 4 meses estivemos juntos praticamente todos os dias, só às segundas e terças é que não e agora vai ser complicado porque ele durante o dia nem falar pode mas eu sei que conseguimos. a vossa relação é, sem duvida, um exemplo de força a seguir!!

Inês disse...

quer dizer que és mais velha que eu!

Inês disse...

são só três aninhos, oh. não faz assim tanta diferença!

caroline pipi disse...

verdade!

Patrícia disse...

espero bem que o amor resista a tudo :')

Lia disse...

concordo tanto, mas tanto! és magnífica!