10.2.12

Sinto-me só, e a solidão é a minha maior companhia. Não há nada que me custe mais do que não ter com quem me divertir de forma mais real do que a proporcionada por um telemóvel ou um computador. Por vezes faz falta uma companhia de verdade, um abraço bom e um sorriso sincero. As surpresas conseguem ser agradáveis, mas a presença de quem amo todos os dias a meu lado, e a meu lado a sério, com direito a abraços, beijos e tudo o que uma presença física traz de brilho à nossa vida.

4 comentários:

ana disse...

muita força minha querida*

cláudiagomes. disse...

É...
Então, imagina lá ele em Lisboa e eu no Porto.

patrícia disse...

olha, se queres continuar a ler o meu blog, passa por lá e vê o que escrevi, depois manda-me o teu mail (aquele que usas no teu blog), obrigada *

- MartaRibeiro * disse...

ja me senti tal e qual como tu :c
força