15.1.12


Chama-me louca enquanto me beijas. Chama-me doida por dizer tudo o que penso, e pensar em tudo o que digo. Chama-me parva por te dar tudo de mim, onde quer que esteja, mesmo não sendo o local mais indicado. Chama-me estranha, e resiste-me, se conseguires. Eu chamo-te meu amor e mostro-te que viver ainda vale a pena.

9 comentários:

Lia disse...

ta bem ta :b
oh, está tão bonito

APF disse...

realmente tens razão lol foi só para ser simpática :p

Lia disse...

de nada, só disse a verdade

APF disse...

eu percebi querida, não tens de te preocupar.

APF disse...

eu percebi querida, não tens de te preocupar.

APF disse...

uau, isto tá lindo!

ana disse...

wooow, adorei :)

R* disse...

Óh, obrigada. Não tenho palavras para descrever o quanto me identifico e o quanto adoro este teu pequeno texto.

APF disse...

de nada :)