4.3.11

sociedade

A humanidade está a optar por seguir um rumo perigoso. Há uma distância cada vez maior entre aquilo que somos e o que mostramos a os outros. Estamos simplesmente a trair-nos ou a garantir a sobrevivência?

32 comentários:

angélica disse...

obrigado princesa (:
~ quanto ao teu post, opto pela primeira opção. devemos sempre ser honestos connosco, e acima de tudo com os outros. mostrar aquilo que não somos nao nos leva a lado nenhum.

angélica disse...

é um caminho que muita gente segue, no entanto á sempre aqueles que pensam como nós, nem que sejam poucos, mas é a eles nos devemos juntar (:

angélica disse...

as minhas ideias são todas boas, ja devias saber :o
aliás, tudo em mim, é bom (a)

angélica disse...

a diferença, é que eu estou a brincar, e tu falas assério --, (a)

angélica disse...

oi? oi? oi?
cala-te , eu quando brinco brinco, nao falo assério --,

Bárbara Silva disse...

- obrigada por tudo <3

angélica disse...

TST, nem acredito que fizes-te o que fizes-te hoje -.-

carina, disse...

sim :p obrigada <3

Mel disse...

o melhor acho eu é mesmo mostrar o que somos porque as outras pessoas devem gostar de nos pelo o que nos somos nao pelo o que elas querem que nos sejamos

Mel disse...

sim mas se nao fizermos ou agirmos do nosso verdadeiro eu muitas nao saberemos se essas pessoas iriam gostar de nos pelo o que nos somos

Maria Inês disse...

obrigada !
e é mesmo :)

patrícia amado disse...

obrigada minha querida ♥
penso que, ao fazer isso, devemos andar a trair-nos. nunca devemos tentar ser aquilo que não somos pois assim nunca ninguém nos conhecerá bem e sem um amigo verdadeiro ninguém é realmente feliz!

ac disse...

Garantir a sobrevivência , eu acho *

angélica disse...

esta bem !

Bárbara Silva disse...

- exacto, se não formos nada feito (:

Mel disse...

mas acabmos por nos magoar e no fim ficamos nos magooados e as pessoas que mostraram ser o que nao eram, porque ficam sempre com aquilo na cabeça que tudo poderia estar bem se tivessemos sido o nosso eu

Patrícia Monteiro disse...

tens toda a razão, e acho que toda a gente devia fazer o que fiz, porque existe quem use e abuse, e isso é demais , eu tive de me impor e tive de ditar um fim :x
cometi a asneira de fugir e voltar, não dava mais :|

Ana disse...

desses eu não me fecho nunca, querida. E concordo plenamente com este post *

máffz. disse...

obrigada (:
gostei muito do blog.

patrícia amado disse...

a sério? :)

carina gonçalves disse...

http://andtheotherhalf-too.blogspot.com/

gostava de vos pedir que seguissem e comentassem o texto, mudei de blogue e este é o actual. Muito obrigado! :')

Marcela disse...

Penso que é um pouco das duas coisas. Passamos a nos trair porque o mundo em que vivemos atualmente nos torna retraídos e receosos.

bjs
seguindo :)

Carina Gonçalves disse...

e o teu blog é uma fonte de inspiração! :'D
eu também*

Carina Gonçalves disse...

estou a ser sincera! :c

joanarocha :) disse...

obrigada *.*
eu faço sempre isso querida x)

carina, disse...

hum.. obrigada pelas palavras querida *

♥ marta. disse...

Opto pela primeira.
Humanos? Onde?
Com certeza não serão deste Planeta, não sei...

Carina Gonçalves disse...

mas é verdade, não tens de ficar! :b

Ana disse...

pois é :)

Maria Viana disse...

adoro*
vou seguir, faz o mesmo :$
beijinhos*

Maria Viana disse...

obrigada eu querida :)

Maria Viana disse...

não tens de quê :)